Empresária é destaque no ramo de decoração
Ana Vogues, proprietária da Harmonia Decorações, é pioneira no ramo de franquias no setor e já possui dez franqueados em todo país

A mulher está cada vez mais despontando no cenário empresarial nos mais diversos ramos. Cada vez mais esse espaço vem sendo preenchido por empreendedoras dispostas a transformar um sonho em empreendimentos sólidos. Um exemplo disso é a empresária caçadorense Ana Vogues, diretora executiva da Harmonia Decorações, empresa que vem se destacando na área em que atua e que é pioneira em franquias neste ramo.

Para chegar até esse patamar, a trajetória exigiu muita dedicação. “Venho de uma origem humilde e precisei estudar muito e ter foco para chegar até aqui. A caminhada nem sempre foi fácil e foi preciso muita determinação em busca da realização profissional”, comenta Ana.

Ela explica que viu no ramo de franquias uma oportunidade de proporcionar aos que têm o mesmo sonho, uma chance de realização. “A empresa tem sete anos de atuação no mercado. A marca iniciou com uma loja em Caçador, que trabalha com as melhores marcas do ramo. Com o crescimento dos negócios e a chance de um mercado promissor, elegemos o franchising como estratégia de expansão, proporcionando aos empreendedores uma oportunidade de apostarmos em um sonho juntos. Assim nasceu a Harmonia Franchising, uma rede de franquias que vem se expandindo por todo Brasil”, salienta a diretora executiva da empresa.

Uma das apostas foi o trabalho em equipe, o que fortaleceu a Harmonia Decorações e propiciou o crescimento. “Uma forma de fazer uma empresa progredir é aproveitar o que as pessoas têm a oferecer. A junção de ideias é uma das melhores formas de ampliar os negócios e apresentar melhores soluções às adversidades que podem surgir”, acrescenta.

A diretora executiva frisa que as dificuldades são extremas e poucas pessoas têm coragem para enfrentar os desafios que surgem em seu caminho. “O verdadeiro empreendedor não pode, primeiramente, buscar o lucro porque ele será o resultado das ações da empresa. É preciso estar sempre atento ao mundo, buscando cada vez mais novos conhecimentos para enfrentar os desafios. Portanto, para se tornar um empreendedor, escolha uma ideia e faça dela a sua vida. Pense, sonhe e viva pensando nela. Deixe seu cérebro, músculos, nervos e todas as partes do seu corpo serem preenchidas com seu projeto. Esse é o caminho do sucesso”, avalia.

Para ela, ser empreendedora significa falhar repetidamente sem perder o entusiasmo. “Acima de tudo é ser um realizador e produzir novas ideias com criatividade e imaginação. Até mesmo porque para empreender no Brasil, só mesmo com muita garra e perseverança”, completa.